27 junho 2006

Reflexão de um Tocerdor Brasileiro

De certa forma, estou decepcionado com esta copa. Principalmente quanto ao desempenho da seleção brasileira, a qual, "teoricamente", deveria representar fielmente a nação brasileira. Porém, é "díficil" torcer para o Brasil.

Eu não ligo para o passado, o que importa é a atitude dos jogadores presentes. Se o Brasil é "penta", isso não vale nada, se os jogadores não honrar isso. E pergunto: "Honram?"
Para muitos, no futebol, o que vale é vencer. Não importa os meios, e sim o fim. A vitória é tudo. Ou como disse o Parreira: "O show é ganhar." Eu discordo plenamente.
Eu, tenho no fundo aquele nacionalismo que faz torcer pela seleção, mas no jogo, eu torço para aquele que "merece". E esse "merece", ao meu ver, são as VIRTUDES apresentadas em campo.

O Brasil não está jogando um futebol "virtuoso" ao meu ver. Demonstrou parte dele, no jogo contra o Japão. Mas o técnico voltou com o seu time de "amigos do churras" (Emerson, Roberto Carlos, Cafu, Adriano...). É inconformável. Isso mais me parece uma "atitude atribuida ao medo", de desconfiança no assim vamos chamar "jogadores de menas experiência em copa". E manter o time "tradicional", me faz parecer pensar que essa atitude seja mais uma SUPERSTIÇÃO do que prudência (esta que não vejo nenhuma).

No jogo contra o Japão, sem muitos comentários. O Brasil começou a mostrar seu verdadeiro futebol digno. E apesar que achei que o gol que o Dida levou, tomou por um certo susto no chute, e que ele estava meio "frio" na hora, estava dormindo no jogo, e de repente levou aquele gol. E o Ronaldo começou a me agradar.

Para mim, não importa os titulos do jogador, sua fama, se é estrela ou não. Ele só vai conquistar meu respeito, com a "continuidade" que ele demonstra em campo no presente. Para mim, que nem deveria ir para a copa: ROberto Carlos, Cafu, Emerson e Ronaldo. Apesar do Ronaldo ter marcado alguns gols, e está com uma atitude nos 2 ultimos jogos, agradáveis, porém, acredito que o Fred faria muito melhor do que ele. Acho uma sacanagem o que aconteceu, me lembra uma panela, não importa quem é o melhor, quem se preparou melhor, quem está em melhor fase, mas sim, quem "pertence a panela". Isso é repugnante.

No jogo contra a Gana, confeço que acreditava na vitória Africana. Porém, apesar do bom futebol que eles demonstraram, teve duas coisas que me deixaram inconformados, com tal:
- a defesa não é ruim, mas não sabe fazer linha de impedimento. Por isso levou aqueles gols bestas.
- o ataque não sabe fazer gol. Nem acertar o gol.

E o Brasil, jogou horrível novamente, como tinha sido nos outros jogos (fora o do Japão). Ganhou, porque como disse: Gana não sabe fazer gol. E porque roubaram o segundo gol - foi impedimento claro. Da mesma forma sacana com que foi roubada a vitória da Itália contra a Austrália.

A copa perdeu a graça para mim, ficou algo homogeneo. Se for ver bem, apenas as favoritas passaram, e algumas delas só passaram por causa do "apto". Eu, acredito que possa ter sido sim "comprado" algumas coisas nessa copa. Alias, quanto de $$$$ não está envolvido só nas apostas, e os favoritos das apostas quem são? hummm... conscidência?

Essa copa, o nível de futebol está pior do que na de 2002. Se naquela o Brasil foi campeão porque os outros times conseguirão ser PIOR. Nessa então, aff. Os times estão muito ruim. Olha só o Brasil, e está nas quartas de final.
Pra ser sincero, quando chegou aos 25min do segundo tempo no jogo contra Gana, eu desliguei a TV. Enjou, feio de mais!

...
Não faço parte daquele pessoal onde gostaria que "as traves tivessem pernas" para o BRasil ganhar. Ou que "entrava um torcedor" em campo. Nem aquela "do carrinho". Etc. A frase pra mim é: que vença o melhor. Aquele que merecer.
Se meu amigo é um ladrão, pra mim, ele deve se entregar e ser preso e cumprir sua pena. Mas, isso não quer dizer que não seja seu amigo, pelo contrário. Mas esse não parece ser o espirito dos brasileiros no futebol.

Se alguém no Brasil está de parabens mesmo é o Lucio e o Juan. Foram os melhores jogadores até agora, em todos os jogos. Se o Brasil for campeão, a seleção toda, principalmente o Parreira, devem a essa dupla de defesa. ROnaldo Gaucho demonstrou ser o que eu sempre pensei: apenas um jogador habilidoso quando o lance é fácil, e num "momento". E por ai vai.

Detalhe curioso. Os últimos eleitos "melhores jogadores do mundo", jogavam no futebol da Espanha, e em quais times?... hehe... Melhor jogador uma ova! E sim, o jogador mais super star, de empresário mais habilidoso.

A copa do mundo pra mim, de certa forma, morreu. Apenas estaria curioso para ver o jogo da Argentina e Alemanha. Mas empolgação, animo, prazer etc. sucumbiu-se.

E algo que me deixa revoltado. É ver a "superstição" das pessoas, é de dar "nojo". O pior é ver a globo incentivando isso, e dizendo as vezes coisas do tipo: "isso é bom", "toda brasileiro tem um pouco". E por ai vai.

É um pais sem carater, são jogadores sem carater, é uma copa sem carater. E me retiro desse grupo "copalizado", para não pertencer a esse meio fedoso.
Bem, é isso.

1 comentários:

Ana Lígia disse...

Se retira do grupo "copalizado" mas se juntou aos milhões que estão escrevendo sobre Copa do Mundo neste momento.
A superstição te dá nojo? Poxa, você é nojento mesmo. Tem nojo dum PAÍS cuja POPULAÇÃO (salvo algumas excessões)precisa de mitos e superstições p/ alimentar sua esperança. Isso é Brasil, meu caro...